Prêmio Fetransportes de Qualidade do Ar premiou 66 empresas

Engajamento, comprometimento, trabalho de equipe, conquista, troféus! A mistura desses ingredientes resulta no Prêmio Fetransportes de Qualidade do Ar – QualiAr, cuja 17ª edição foi realizada na noite de sexta-feira, 16 de agosto, no Sest Senat de Cariacica, e premiou 66 empresas do setor de transportes e logística – 39 receberam o troféu na categoria Ouro, 22 na Prata e 5 na Bronze.

Além de representantes das empresas premiadas, tanto de segmento de passageiros quanto do de cargas, autoridades e dirigentes marcaram presença no importante evento de temática ambiental. Além do presidente e anfitrião, Jerson Picoli, estavam lá o vice-prefeito de Cariacica, Nilton Basílio, representando o prefeito Juninho, a gestora nacional do Programa Despoluir, Daniela Fraga, coronel Busato, representante do comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Alexandre Cerqueira, os presidentes do Transcares e Sindliqes, Marcos Furtunato e Joceny Callenzane, respectivamente, o supervisor do Conselho Regional do Sest Senat, Marco Rocha, o diretor-técnico, George Alves, e o diretor de Habilitação de Veículos e Fiscalização do Detran, Marcus Perozini, dentre outros.

Ao abrir oficialmente o evento, Jerson Picoli falou do pioneirismo da Fetransportes ao lançar o QualiAr, em 2003, citou a relevância do Programa Ambiental do Transporte (Despoluir), cujos resultados sustentam o Prêmio QualiAR, ressaltou a necessidade das empresas do setor “pensarem de maneira mais verde”, incorporando valores de respeito ao meio ambiente na sua cultura e políticas internas e por fim reconheceu a atuação das organizações parceiras do Despoluir.

“O trabalho do Despoluir é grandioso, mas também silencioso, pois ganha corpo no dia a dia, na atuação dos técnicos e da equipe administrativa do programa. É um trabalho de formiguinha que entre 1º de julho do ano passado e 1º de junho deste ano nos rendeu mais de 23 mil testes. Um número extraordinário, que nos mantém na vitrine do Programa Despoluir nacional. Mas nada do que nossa equipe faz teria eco sem os representantes das equipes parceiras do Despoluir, se elas não confiassem e não fossem nossas parceiras nesse importante projeto ambiental”.

Coincidência e engajamento

O número de premiadas é exatamente igual ao de 2018. Mas o motivo dessa “coincidência”, na opinião do coordenador do Programa Despoluir-ES, João Paulo Lamas, é o novo regulamento do prêmio, que “apertou” ainda mais os critérios de avaliação.

“O novo regulamento definiu novos níveis de opacidade para definir os vencedores. Premiamos na categoria Bronze as empresas em que até 65% da frota apresentava opacidade menor ou igual a 50% da requerida; na categoria Prata ficaram as empresas cujos resultados deram acima de 65% até 90% da frota medindo opacidade menor ou igual a 50% da exigida; e na Ouro, acima de 90% da frota, medindo opacidade menor ou igual a 50% da requerida. Mudamos o regulamento com o intuito de garantir um novo salto de qualidade na atuação do Despoluir no Espírito Santo e posso garantir que a única coisa que não mudou foi o compromisso das empresas com as políticas e questões ambientais”.

Com a palavra, os vencedores!

Supervisor de manutenção da Biopetro, uma das 39 empresas premiadas com o troféu Ouro, Ednilton Santos Campos destacou o fato da premiação agregar valor à rotina da companhia. “Receber o troféu Ouro agrega muito valor porque as empresas que contratam nossos serviços exigem esse selo de qualidade. Esse é um motivador a mais para continuarmos trabalhando em prol da redução de poluentes no meio ambiente”.

A Autoport Transportes e Logística foi outra empresa do rol das ganhadoras do troféu Ouro. Quem estava no Sest Senat para receber o prêmio era o também supervisor de manutenção Tiago Castilho, que destacou as políticas internas na empresa.

“O controle da emissão de gases faz parte da cultura do Grupo Águia Branca e como a Autoport integra o Grupo não poderia ser diferente. Controle rígido e manutenção preventiva fazem parte de nossa rotina”.
Já o mecânico da Viação Joana D´arc de Linhares Hamilton de Oliveira abordou o cuidado da equipe da empresa do segmento de passageiros com a manutenção.

“Temos um cuidado muito especial quanto à manutenção dos veículos. Os passageiros dos ônibus não podem se deparar com um veículo soltando fumaça de qualquer jeito. Estamos sempre de olho no funcionamento dos carros e se estão emitindo gases dentro dos critérios exigidos pelo Despoluir. Quando recebemos um prêmio na categoria Ouro é sinal que nosso trabalho está em ordem e o meio ambiente agradece”.